Importante!

Este blog foi feito para compartilhar frases e textos, proporcionar alguns sorrisos e quem sabe dar pitadas de emoção à vida de quem o ler.

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Dica de Leitura #37

O Último dos Canalhas - Loretta Chase


LivroO Último dos Canalhas
Autora: Loretta Chase
Editora: Arqueiro 
Nº de páginas: 304

Vere Mallory, faz parte de uma família conhecida pela linhagem de canalhas. O devasso não esperava e nem almejava o ducado, mas o título chegou à ele de uma forma dolorosa: uma sucessão de mortes fizeram-no se tornar o duque de Ainswood. Diante do cenário de perdas e dor, Vere utiliza a postura desregrada para esconder seu sofrimento e aproveitar a vida como julga adequado, mesmo que não seja da forma como a sociedade acredita que seu título exige.

Lydia Greenville é uma jornalista solteirona, apaixonada pelo trabalho, pelos seus ideais e claro, por sua fiel companheira: a cadela Susan. Longe de todos os padrões da época, Lydia não poupa palavras para apontar as injustiças sociais veladas em meio à bailes chiques da alta sociedade e mais do que isso, luta para superar as desigualdades e ilegalidades sobre as quais escreve.

Vere conhece Lydia em uma situação peculiar, a qual tem como desfecho o duque sendo nocauteado pela sagaz jornalista. A partir deste evento, Vere decide que se vingará da moça manchando a sua reputação, mas ele não imaginava que a sua adversária poderia ser tão difícil e ao mesmo tempo tão interessante.

A convivência dos dois vai mudando pouco a pouco o relacionamento conturbado e enquanto as diferenças se transformam em paixão as semelhanças parecem aproximá-los do amor. 


Essa obra uniu duas coisas que eu adoro: romance de época e série de livros. Adoro rever os personagens dos outros volumes e poder saber um pouco mais sobre o destino deles. Nesse quesito, O Último dos Canalhas não desapontou, já que é possível reencontrar o Lorde Belzebu e Jéssica, o casal de "O Príncipe dos Canalhas", os quais tem um envolvimento importante na trama e no desfecho de um mistério.

No que diz respeito aos protagonistas, estes também não decepcionam. Loretta consegue fazer-nos perceber a química do casal através das páginas e não há como ficar indiferente ao relacionamento de Vere e Lydia.

Além disso, outro ponto de destaque é o fato de que o enredo não se limita ao romance, trazendo críticas à sociedade da época e tratando de temas polêmicos, como a prostituição.

É uma leitura agradável, divertida e claro, com boas doses de romance. 

Aproveitem a dica, e Boa Leitura!

Elis C.

Nenhum comentário:

Postar um comentário