Importante!

Este blog foi feito para compartilhar frases e textos, proporcionar alguns sorrisos e quem sabe dar pitadas de emoção à vida de quem o ler.

segunda-feira, 14 de março de 2016

Dica de Leitura #32

Bem-Casados - Nora Roberts

Bem-Casados é o terceiro volume da coleção “Quarteto de Noivas” de Nora Roberts. Cada livro conta a história de uma das sócias da “Votos”, empresa dedicada à organização de casamentos, formada pelas quatro amigas de infância: Parker, Emma, Laurel e Mac.


Livro: Bem-Casados (Quarteto de Noivas: Livro 3)
Autora: Nora Roberts
Editora: Arqueiro 
Nº de páginas: 288

Laurel McBane, a confeiteira da Votos, é uma mulher racional, realista e, acima de tudo, independente. Com uma relação familiar conturbada, devido a separação dos pais e problemas financeiros, Laurel contou com a ajuda das amigas e de Sra G. - governanta dos Brown - para se formar na profissão de seus sonhos. 

Realizada na sociedade com as amigas de infância, Laurel é apaixonada por elaborar bolos criativos e quitutes para seus clientes. Atenta aos detalhes e dedicada à adoçar a vida das pessoas, tornou-se referência no assunto e surpreende a cada evento empreendido. No entanto, há outra paixão na vida de Laurel: Delaney Brown - advogado da Votos e irmão de Parker -, com quem a chef sonha, em segredo, desde a adolescência.

Del sempre foi um irmão presente, mas a morte prematura dos pais fez com que ele assumisse uma outra posição no enredo familiar, tornando-se bastante protetor com Parker e, por extensão, com as demais sócias e amigas, Mac, Emma e Laurel. Ele as considera como irmãs e se preocupa com elas na mesma medida, mas para Laurel, pela paixão reprimida e pelo desejo de independência, a intromissão de Del é algo desnecessário e petulante. 

Dessa forma, mesmo que tenha conseguido administrar seus sentimentos ao longo dos anos, para Laurel é cada vez mais difícil lidar com Del e ignorar o fato de que ele a vê como uma irmã. Em um momento de impulso, a confeiteira beija o advogado e demonstra na prática que, embora se considerem família, os dois não são irmãos. 

E é este beijo que muda toda a dinâmica do relacionamento de Del e Laurel. E claro, do grupo todo, pois para eles é impossível não participar do desenrolar dessa história. Del percebe que seus sentimentos eram mais profundos do que acreditava, enquanto Laurel precisa manter-se racional, sem lançar-se de cabeça na sua, finalmente, paixão correspondida. 




Gostei do casal e acredito que Nora mais uma vez atendeu minhas expectativas no quesito romance. O nível de detalhamento das atividades da empresa me incomodou em alguns momentos, no entanto, cheguei a conclusão de que não não é um problema da obra, mas sim da minha pressa em ver o desfecho da história.

É um livro repleto de ótimos diálogos, os quais contribuem para que, praticamente, façamos parte da interação entre as amigas e entre os casais. Os relacionamentos são naturais, o que torna os personagens reais e acessíveis.

Assim como no segundo volume da série, Mar de Rosas, podemos reencontrar os demais personagens, acompanharmos o desenvolvimento dos romances já apresentados bem como aqueles que estão iniciando.

Aguardo ansiosa pelo próximo livro, pois nas primeiras publicações já é possível vislumbrar as diferenças existentes entre o último casal da série, Parker e Mal, contraste este que promete deixar interessante a condução da última história de amor deste quarteto.

Elis C.

Nenhum comentário:

Postar um comentário